Explore Valentine Pics, Saint Valentine and more!

Explore related topics

"Jogue tudo fora mas principalmente esvazie seu coração. Fique pronto para a vida, para um novo amor. Lembre-se, somos apaixonáveis! Somos capazes de amar muitas e muitas vezes. Afinal de contas,nós somos o amor" (Carlos Drummond de Andrade)

"Jogue tudo fora mas principalmente esvazie seu coração. Fique pronto para a vida, para um novo amor. Lembre-se, somos apaixonáveis! Somos capazes de amar muitas e muitas vezes. Afinal de contas,nós somos o amor" (Carlos Drummond de Andrade)

"O chão é a cama para o amor urgente, O amor não espera ir para a cama. Sobre o tapete no duro piso, a gente compõe de corpo a corpo a última trama. E para repousar do amor, vamos para a cama." ―Carlos Drummond de Andrade

"O chão é a cama para o amor urgente, O amor não espera ir para a cama. Sobre o tapete no duro piso, a gente compõe de corpo a corpo a última trama. E para repousar do amor, vamos para a cama." ―Carlos Drummond de Andrade

"Que a felicidade não dependa do tempo, nem da paisagem, nem da sorte, nem do dinheiro. Que ela possa vir com toda a simplicidade, de dentro para fora, de cada um para todos. Que as pessoas saibam falar, calar, e acima de tudo ouvir. Que tenham amor ou então sintam falta de não tê-lo. Que tenham ideais e medo de perdê-lo. Que amem ao próximo e respeitem sua dor. Para que tenhamos certeza de que: Ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade." ―Carlos Drummond de Andrade

The 50mm f/1.8 – Small Wonder!

"Que a felicidade não dependa do tempo, nem da paisagem, nem da sorte, nem do dinheiro. Que ela possa vir com toda a simplicidade, de dentro para fora, de cada um para todos. Que as pessoas saibam falar, calar, e acima de tudo ouvir. Que tenham amor ou então sintam falta de não tê-lo. Que tenham ideais e medo de perdê-lo. Que amem ao próximo e respeitem sua dor. Para que tenhamos certeza de que: Ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade." ―Carlos Drummond de Andrade

"Pois de amor andamos todos precisados! Em dose tal que nos alegre, nos reumanize, nos corrija, nos dê paciência e esperança, força, capacidade de entender, perdoar, ir para a frente! Amor que seja navio, casa, coisa cintilante, que nos vacine contra o feio, o errado, o triste, o mau, o absurdo e o mais que estamos vivendo ou presenciando." —Carlos Drummond de Andrade

"Pois de amor andamos todos precisados! Em dose tal que nos alegre, nos reumanize, nos corrija, nos dê paciência e esperança, força, capacidade de entender, perdoar, ir para a frente! Amor que seja navio, casa, coisa cintilante, que nos vacine contra o feio, o errado, o triste, o mau, o absurdo e o mais que estamos vivendo ou presenciando." —Carlos Drummond de Andrade

“Se você sabe explicar o que sente, não ama, pois o amor foge de todas as explicações possíveis”  ―Carlos Drummond de Andrade

“Se você sabe explicar o que sente, não ama, pois o amor foge de todas as explicações possíveis” ―Carlos Drummond de Andrade

"A veces, ante la mala manera de ser de los otros, uno se siente orgulloso de ser uno mismo y no otro" André Maurois

"A veces, ante la mala manera de ser de los otros, uno se siente orgulloso de ser uno mismo y no otro" André Maurois

Carlos Drummond de Andrade, Vinicius de Moraes,  Manuel Bandeira, Mario Quintana e Paulo Mendes Campos  na casa do cronista Rubem Braga (1966).

Carlos Drummond de Andrade, Vinicius de Moraes, Manuel Bandeira, Mario Quintana e Paulo Mendes Campos na casa do cronista Rubem Braga (1966).

Pinterest
Search